06 agosto 2006

sustus

Roberto Justus não é amendoim, mas tá sempre nas bocas. não é debutante, mas tá sempre nas fotos. e agora nos brinda de novo com sua esfuziante presença, na TV — com “O Aprendiz 3” (meus sais) — e em todas as bancas de revista. para onde meu pescocinho vira, lá está ele.

o melhor fel escorreu na coluna de José Simão, na Folha de São Paulo de hoje. como é só para assinantes, reproduzo:

“Socorro! Todos para o abrigo subterrâneo! Salve-se quem puder! Hoje começa o ‘surreality show’ do Roberto Justus. Que já botou tanto botox que deveria mudar de nome para Roberto SUSTUS! Esse ‘O Aprendiz’ é cópia do programa do empresário Donald Trump, que faliu e agora foi substituído por Martha Stewart, que foi presa. O Trump faliu, a Martha Stewart foi presa, o que acontecerá a Roberto Justus? Já aconteceu. Ele se casou com a filha da Helô Pinheiro. Rarará! E o prêmio do ‘reality show’ é um estágio na agência do Sustus. Então não é prêmio, é castigo. Aliás, o Sustus é tão mala que os prêmios deviam ser assim: o vencedor trabalha um ano na agência dele. E o perdedor trabalha DOIS anos. Rarará!”

e aí na mesma Folha leio que o Roberto Sustus está lançando um livro, criativamente chamado “Construindo uma Vida — Trajetória Profissional, Negócios e ‘O Aprendiz’” (alguém me acorde quando acabar o título, por favor). no livro, o deselegante critica a Adriane Galisteu e elogia a Eliana Dedinhos, e na matéria se revela um palerma deslumbrado com a fama surrupiada das loiras: “O nome de alguém mais conhecido costuma abrir portas com mais facilidade — se pedia para alguma secretária fazer contato com o diretor de marketing da empresa, podia perceber que certo encantamento cercava meu nome. Toda essa notoriedade acabou me tornando uma pessoa instantaneamente bem-vinda em praticamente todos os lugares a que fosse. Não é desagradável”.

é interessante ver que, apesar de podre de rico, ele vai entrar para a posteridade como um saco tosco de amendoim.

6 comentários:

Sean Hagen disse...

*


mister justus.
ainda vão descobrir que ele namorava o vitor fasano, foi casado com o marília gabriela e pinta as unhas dos pés de vermelho sangue.
e usa peruca, é claro.




*

Leonardo disse...

Putz, deste monte de brasileiros que você citou só reconheci Adriane Galisteu e o José Simão. Ah... e é claro, Helô Pinheiro. Mas se já não aturava "The Apprentice", faço uma idéia do circo por aí...

Que phooooooooda!!!

ederson disse...

por sorte, nunca tentei suportar ver O Aprendiz. Na verdade, vi um trecho uma vez, mas eram publicitários com pinta de administradores e me deu calafrios.

Dann Ferreira disse...

Belo texto Marcia.
O Simão esqueceu de comentar da quantidade laquê que o Justus usa. hehehe. Ninguém merece aguentar ele na televisão com sua arrogância e prepotência. Falou mal da Adriane galisteu? Boa coisa nao poderia falar tmb. heheh. ela não tem nada de boa. Não fala Inglês, não tem cultura e subiu graçãs ao eterno Ayrton Senna. Agora falar da "Dedinho" é fácil, tentou casar com a loirinha mas não conseguiu dar o tão sonhado "golpe do báu", sobrou pra Pinheirinho, acordar com um nego mala desse jeito.

Danilo Ferreira
www.o-diariu.blogspot.com

Maitê disse...

é verdade Marcia, ele tem muito botox. Ele mal consegue sorrir. Bah, não sabia que o Trump estava quebrado... Abs

fernanda disse...

desliga a TV e rasgue os jornais, talvez seja a única forma de obter informações sérias e relevantes neste país de aprendizes!

Adorei o texto =]