22 novembro 2006

o bom comunista

eu acho muito digno que o líder do PT na Câmara, Henrique Fontana, esteja propondo um aumento de 30% nos salários dos deputados federais. dos atuais e insuficientes R$ 12.847, subiria para R$ 16.700. seria uma “reposição justa” e “dentro da razoabilidade” para recuperar as perdas com a inflação dos últimos quatro anos. os nobres deputados, que têm uma jornada exaustiva de terça a quinta-feira, e que apenas se dão uns curtos períodos de recesso de alguns meses durante o ano, merecem ganhar bem. além disso, aquelas verbinhas de representação, aluguel, diárias e passagens já não estão dando pro gasto. sejamos razoáveis.

e você, mané? é professor de universidade pública, é bolsista da Capes ou ganha o piso da sua categoria? azar o seu. da próxima vez, seja mais razoável: entre para o mundo da política. e vê se pára de reclamar, pois tem deputado defendendo equiparação com os salários do Supremo Tribunal Federal: R$ 24.500. viu? sempre dá pra ser pior. agora pode voltar a achar que o Fontana é um bom comunista.

8 comentários:

> [ eRRuD!tO ] ... disse...

E vc viu o comentário da Ellen Greice no JN? Os do "judi" também precisam. Estão propondo a miséria de 86 mil por todas as sessões que participaram em 2006 do Conselho de Justiça. Uma comissão de 5 mil e algo mais por reunião. Eles acham "legal"!

P.S.: Os comunistas de Ijuí tem camionetes...

> [ eRRuD!tO ] ... disse...

ah... não era melhor quando os comunistas só comiam criancinha?

Felipe disse...

Taí uma pessoa maravilhosa pra se mandar um certo kit...

Leonardo disse...

até que enfim endireitaram a esquerda!

Sean Hagen disse...

*

espanha e frança fizeram reportagem sobre a vida nababesca dos deputados brasileiros. além do salário básico, verba para passagem aérea, moradia, alimentação, criadagem, gasolina, xerox, selos e massagista tailandesa - tá, essa úlitma é exagero meu.

muito pouco, fico chocado como eles podem viver assim.


*

Suely disse...

é por essas e outras que eu sou a última defensora do neoliberalismo no Brasil... políticos neo sairiam mais em conta, a esquerda quer muito subsídio para o luxo (ou subsídio para muito luxo, tanto faz)

Graziana disse...

enquanto isso , nós comunicadores sofrendo pra conseguir ganhar o piso!

na próxima eleição vou me candidatar, vou procurar um slogan, tipo "e aí, beleza?"

Adri Amaral disse...

ahhhhhhhhhhh