21 outubro 2006

em 3 vezes sem juros




esta aí é a bundinha da Ferrari 599 GTB Fiorano. está cansado de arrastar seu 1.0 na subida? esta Ferrari tem motor 6.0. se quer levar pra casa esta bundinha, é só desembolsar R$ 2 milhões e ter um pouquinho de paciência, pois há fila de espera. mas não se preocupe com nada, pois as facilidades estão aí para o seu conforto: eles aceitam seu carro usado e ainda parcelam em três cheques.

não perguntei ao vendedor de quem normalmente compro minhas Ferraris, mas acho que, se dispensar as moçoilas, você ainda leva um descontinho.

11 comentários:

Sean Hagen disse...

*

isso aqui tá parecendo catálogo da Avon.


*

Leonardo disse...

Como assim dispensar as moçoilas!??!?!?!? Elas fazem parte do pacote!!! Como qualquer bom carro de primeira linha, a morena vai prá casa com você no banco da frente e a loura, que é o step, vai no porta-malas. Não se preocupe com o fato do porta-malas de um esportivo ser muito pequeno para acomodá-la, afinal de contas louras estão acostumadas a todo tipo de "contorcionismo"... Em segundo lugar, não seria politicamente correto deixá-las para trás, já que nesta era de global warming, as moçoilas são o esforço da Ferrari para tornar seus carros verdadeiros híbridos! Elas são o único "recurso renovável" disponível no esportivo. Eu explico: Você as leva no carro, usa e depois joga fora! Não se preocupe, elas são recicláveis!! Outros "motoristas" também poderão se aproveitar delas... e com uma Ferrari destas, "moçoilas" sempre serão um recurso altamente renovável. Afinal de contas, admitamos, com uma "bundinha quadropneumática" dessas, bundinhas bípedes "are for free"!

Disclaimer: Para as feministas de plantão, é só brincadeirinha, viu?? É claro que eu também ia preferir o desconto... :D

marcia disse...

Xon, o destino bate à sua porta. aproveite e compre um rímel pros meus cílios longos.

Leonardo, quer dizer que eu, uma pintinha de peninhas loiras, iria ser atirada no porta-malas? se pelo menos fosse o porta-luvas.

Elis disse...

E o cavalinho, sai por quanto?

:*

Felipe disse...

Maltrata, Pinta, maltrata.
Como se não bastasse o fato de contemplar esse ícone, sonho dos sonhos de consumo da macharia, ainda tem o aspecto comportamental suscitado nesta foto. Imbuído pelo que sugerem os estudos de Pierre Weil sobre o gestual cotidiano e seu significado, fico matutando o que aquela ferrari morena, digo, o que aquela morena à direita da ferrari estaria querendo dizer com aquela disposição de mãos... hummmmmm, aliás, vruumm, vruummm, vrummmm, vrrrrrrrrrruuuuuummmmmmmmm!

Leonardo disse...

Ah Márcia, não adianta fazer beicinho... ou biquinho... se o penacho é louro, habilidade não vai faltar!

Felipe, e precisa de algum Pierre só prá ver que a moça está mostrando a nova cor do esmalte dela??? ;)

Felipe disse...

Mas, Léo, então você está me dizendo que a moça esmaltou a púbis? ;D

marcia disse...

Elis, eu chutaria que o cavalinho sai por uns 3 bilhões de dólares. :P

Felipe e Leonardo, vocês estão quase sendo processados pela Liga das Mulheres Ofendidas (LIMOFEN). quem avisa pinta é. (e Leonardo: eu quero ir sentada no espelhinho pra ver a paisagem.)

Leonardo disse...

Bem lembrado, Márcia! Especialmente nesta era Pussy Power...
iiiichhh... falei de novo!! :-o

tchau!

Leonardo disse...

Elas chegam e a superior mostra o distintivo do LIMOFEN como se fosse do FBI e pergunta:
-"Você sabe do paradeiro deste indivíduo ? Este Leonardo do Indizível".
-"Hmmm... a última notícia que tive dele era de que havia se mudado para Tora Bora"
-"Damnnnnn!! Thanks for your cooperation."

Moral da estória: Pinto mete (cough!cough!) a gente em encrenca e a Pinta, tira! :D

Felipe disse...

Valeu o aviso, Pinta. Vou lacrar a matraca. Só não garanto parar de pensar nessas coisas... :)
Beijim