21 novembro 2006

etc.

tive um sonho delirante, pois acordada. eu estava acompanhada de um grande, belo e silencioso urso. um amigo inusitado me entregava um presente, que ia direto ao coração. nunca vou saber o que era, pois estava embrulhado, e embrulhado se foi para dentro. coração guloso dá nisso. morre sem saber o conteúdo do que engole.

8 comentários:

Leonardo disse...

:o

Sean Hagen disse...

*


pô, eu te falei pra não usar sem mim!
sobrou um pouquinho?
:p


*

Suely disse...

amigo urso e presente que vai direto ao coração sem passar pela consciência? É melhor você começar a ter uns sonhos com simbolismo mais obscuro ou a associação de psicanálise vai te processar por inviabilizar uma atividade profissional nobremente rentável :)

Graziana disse...

coração guloso dá nisso :)

Maitê disse...

Marcia, odeio esses sonhos misteriosos, que aguçam a curiosidade, mas depois deixam a dúvida ainda pendente... ABs

marcia disse...

Little lion, :)

Xon, eu não cometeria esta traição. ;)

Suely, quem sabe meu psiquiatra não vai adiantando a interpretação? :P

Grazi, é um perigo.

Maite, eu adoro. sou jungiana até o dedinho do pé.

Felipe disse...

Não saber não significa não sentir. E se você se ligar naquilo que está sentindo, saberá o que engoliu sem precisar nem abrir o presente que recebeu.

Também deliro, Márcia! E é bãããão! Até porque não fico só nisso. :D

Zeca La-Rocca disse...

Foi bala ou doce?
hehehe
bjosss